Quanto Cobrar Na Maquiagem - Raphael Oliver
Quanto Cobrar Na Maquiagem - Raphael Oliver

Makeup Artist

Maquiador e Educador de Maquiagem. Ministra cursos globalmente.

Aprenda como e o quanto cobrar numa maquiagem profissional mesmo no início da carreira

Quer saber o quanto cobrar numa maquiagem profissional? Nesse artigo você verá tudo sobre como precificar o seu trabalho, conhecerá todos os fatores que influenciam no valor final do seu atendimento e saberá o quanto cobrar mesmo se for iniciante.

Makeup Artist

Maquiador e Educador de Maquiagem. Ministra cursos globalmente.

Share

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Não raro, nos vemos na profissão de autônomos meio perdidos sobre o quanto cobrar numa maquiagem profissional. Muitas vezes, a precificação nem é um tópico abordado nos cursos, o que é triste, pois é necessário saber cobrar o valor justo para ambos, de modo que seja possível evoluir na profissão e viver disso.

É muito comum achar que devemos cobrar um valor muito abaixo no início da profissão, o que pode ser um tiro no pé, pois isso atrai um público X e depois é muito difícil subir o valor, mesmo adquirindo experiências e se especializando depois, as pessoas podem não entender.

Parte de ser o seu próprio patrão, é a responsabilidade de fazer o seu próprio salário, mas como precificar de correta e justa o seu trabalho? É isso que veremos agora.

Determine o seu público

Saber o público com que se deseja trabalhar, te dará um norte na hora de investir, se especializar e consequentemente o quanto irá cobrar na sua maquiagem.

Qual a classe que você deseja atender? A, B, C… ?

Isso influencia diretamente em todo o seu trabalho. Tanto em preço, quanto posicionamento, produtos que irá utilizar, etc.

Local de atendimento

Esse é outro ponto que está diretamente ligado ao tipo de público que você deseja atrair.

Atender em um ateliê no centro da cidade ou em um shopping, por exemplo, atrai um público diferente do que quando você atende em um bairro, exemplo. Pontos de atendimento no centro da cidade, shopping centers ou bairros nobres tendem a agregar valor e status ao trabalho, possibilitando cobrar mais caro.

Produtos

Os produtos precisam condizer com as exigências do seu público, quanto mais alto for a classe do seu público, maior a exigência. E quanto mais você investir em produtos mais precisará cobrar.

Uma ótima dica é utiizar o Hi-lo (Diversificar o seu kit com produtos caros com outros mais baratos), principalmente no início da carreira onde se tem lentos retornos e precisa-se de muito investimento.

Invista em ótimos produtos para a pele e vá mesclando marcas mais em conta para as outras áreas. Hoje existem inúmeras marcas boas e baratas inclusive nacionais.

Experiência/Especialização

A sua experiência determina o seu valor final também. Se você investiu, aprendeu, se empenhou e pode entregar um resultado superior, você merece e deve ganhar por isso.

Pense que as tintas de Picasso não se jogaram na tela sozinhas. O seu conhecimento vale muito e você precisa receber por isso também, dessa forma continuará se especializando e evoluindo tanto na vida quanto na profissão.

Como calcular o preço de uma maquiagem

É importante criar uma planilha com todos os produtos que você utiliza na maquiagem, o valor, o número de aplicações que cada um rende e o quanto sai cada aplicação.

Por exemplo: Pegue o valor da base e divida pelo número de aplicação que ela rende, que são cerca de 30. Faça isso com todos os produtos.

Essa planilha é fundamental na hora de saber o quanto cobrar numa maquiagem profissional.

Lembre-se de multiplicar o valor da sombra que normalmente é utilizada em mais de uma.

Após obter o valor de uma maquiagem, pode-se utilizar o sistema 100%, onde você dobra o valor de custos e obterá o  valor final da maquiagem.

Mas se você tem gastos adicionais como o aluguel do imóvel ou time de colaboradores, por exemplo, pode adicionar o lucro de 150%.

Descontos

Chega a dar um friozinho na barriga quando a cliente pede um desconto e você já está numa margem apertada de lucro mas não quer perder a cliente, não é mesmo?

Nesse caso, é necessário que você explique para a cliente de forma delicada que os produtos e seu serviço são de excelente qualidade, e que já está trabalhando em uma margem apertada.

Você também pode  adicionar uma margem de negociação ao seu valor para poder negociar, mas cuidado, isso pode criar uma cultura de descontos conforme você for ficando conhecida e logo você não consegue mais cobrar o seu valor.

Quando estamos falando de alta demanda para um evento específico, é outra coisa. Por exemplo, em um casamento, você pode cobrar apenas uma taxa de deslocamento e diluir essa taxa no preço final do serviço de todo o grupo que você irá atender, assim você ganha e suas clientes também.

Cílios postiços

Você com certeza já ouviu a seguinte frase: “sem cílios fica mais barato?¨, não é mesmo?

E aí eu te pergunto, você vende cílios? Ou você vende a maquiagem pronta, o serviço completo?

Se a pessoa dispensar os cílios para poder ficar mais barato pode comprometer o resultado final da sua maquiagem, o que acaba não sendo interessante para a sua marca, sua assinatura.

Tenha sempre o valor final da maquiagem para oferecer ao cliente, não fique desmembrando em valor de cílios e de deslocamento, venda o serviço completo e com um valor determinado.

Se a maquiagem não carecer de cílios, ok. Você vendeu a maquiagem e não o cílios, entendeu a diferença?

Deslocamento


Pode ser que haja um evento e você precise se deslocar, ou mesmo por não ter um espaço físico adequado você tenha de atender em domicílio e está tudo bem, desde que o valor que você utilizará para ir e voltar seja incluso no preço do seu serviço.

Se você for trabalhar apenas indo até a cliente, cobre de uma forma única, sem ter de explicar para cada cliente que você precisa de X a mais para ir até lá. Divulgue o valor total do trabalho completo. Isso inspira profissionalismo e não cansa a cliente com detalhes que talvez ela nem esteja tão interessada assim.

Equipe

Se você conta com a ajuda de alguém para agilizar seus atendimentos, o valor desse trabalho também deve ser cobrado, do contrário, você só estará girando dinheiro e no final das contas não terá ROI (lucro).

Nesse caso, pode-se utilizar a margem de 150% de lucro.

Observe os preços da sua região

O porte da sua cidade, as demandas e os tipos de eventos influenciam diretamente no valor do seu serviço.

Você precisa estar atenta ao senso comum praticado na sua cidade, por isso esteja sempre atualizado sobre os preços que os demais profissionais estão praticando.

Fuja da guerra de preços

É muito comum, principalmente no início da carreira, os profissionais se jogarem na guerra de preços justamente por não saber quanto cobrar numa maquiagem profissional.

Sabemos que nem sempre é possível começar cobrando um valor alto, mas esteja atenta para não jogar o seu preço no chão, pois isso fará com que nunca sobre dinheiro para você investir em produtos melhores, espaço maior e melhores especializações. E isto é triste.

Conquistar clientes não é um trabalho fácil e nem rápido, por isso tenha paciência e continue evoluindo como profissional, fazendo a coisa certa. Lembre-se que não é importante apenas conquistar clientes, mas sim criar uma marca.

É melhor, logo de início determinar um valor razoável, de modo que você tenha lucro, se sinta motivada e consiga ter sustentabilidade no mercado.

Saber o quanto cobrar numa maquiagem profissional é desafiador para todos que iniciam como profissionais liberais, ainda mais se você sempre viveu no regime CLT. Mas entenda e interiorize que você MERECE sim receber e receber um preço justo pelo seu trabalho.

Pode ser que algumas pessoas sejam resistentes quando você disser o valor da sua maquiagem, mas nós maquiadores sabemos como uma maquiagem mal feita sai cara né? Imagina ter que olhar a vida toda para o álbum do seu casamento com o canto do cílios descolados e a base craquelada? Deve ser um terror.

Por isso valorize sempre a sua profissão, sua dedicação, e se especialize sempre, atenda bem e cobre um valor justo por isso.

Como calcular o preço da maquiagem?

O valor da maquiagem é resultado dos produtos utilizados, da especialização do maquiador e de outros fatores como descolamento, funcionários e imóvel, etc.

Quanto uma maquiadora ganha por dia?

Isso depende do quanto ela atenderá, do valor cobrado e das despesas que a mesma possui.

Quanto ganha uma maquiadora de noivas?

Isso depende de fatores como: tipo de público, quantidade de atendimento e despesas.

Quanto ganha um profissional de maquiagem iniciantes?

O valor varia muito de profissional para profissional. São diversos fatores que determinam os ganhos de um maquiador.

Abraço e até a próxima,

Raphael Oliver

Envie este post para seus amigos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
2 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comments
Inline Feedbacks
View all comments

Continue lendo

Quer ser avisado sobre novos conteúdos?

Não corra o risco de perder nossos conteúdos gratuitos de maquiagem profissional. Preencha o formulário e entre para nossa LISTA VIP.

Fale Conosco

Se tem alguma dúvida, pedido ou sugestão, envie sua mensagem pelo formulário abaixo.